5 Tendências REAIS para 2019

Por: Rodrigo Nascimento –
Head de Desenvolvimento e Inteligência Artificial 

Todo mês de dezembro a história se repete, a internet fica repleta de gurus fazendo as mesmas previsões sobre as tendências para o ano que se iniciará.

Por curiosidade (e também por obrigação profissional), sempre passo algum tempo lendo este tipo de conteúdo.

O que eu vejo, na maior parte das vezes, são tendências óbvias, mas tendências que não necessariamente se tornarão realidade no próximo ano. Acabei de ler um destes “gurus” dizendo que o carro autônomo será uma das tendências para 2019 e eu nem mesmo terminei o texto e imediatamente decidi parar de ler. O carro autônomo já é uma realidade há alguns anos, mas alguém acredita que será popular o suficiente para ser classificado como uma “tendência” em 2019?

Como acredito que não precisamos mais das tradicionais previsões que dizem “A tecnologia irá mudar o mercado” ou “A Inteligência Artificial eliminará empregos”, resolvi escrever sobre cinco insights de tecnologia que considero reais. Tendências que já são uma realidade e que se fortalecerão no próximo ano:

1 – Arquitetura em Micro Serviços

As organizações precisam cada vez mais de agilidade para construir, evoluir e dimensionar seus aplicativos. Uma tendência que se tornou essencial para ajudar as empresas nesse desafio é a adoção de uma arquitetura de micro serviço, que surgiu como um padrão dominante e virou quase que uma obrigação para as empresas que precisam de agilidade e segurança em seus releases.

Em 2019, veremos muitas organizações iniciarem sua jornada de migração de aplicativos de arquitetura monolítica para micro serviços.

2 – Robotic Process Automation (RPA)

Em 2018 já vimos uma grande demanda por empresas que buscam automatizar processos repetitivos utilizando RPA.

A automação de processos robóticos (RPA) se tornará um meio fundamental para as organizações aumentarem a produtividade nos próximos anos e em 2019, veremos um crescimento exponencial de organizações buscando este tipo de tecnologia.

3 – Tecnologias Open Source de Inteligência Artificial

Todo mundo sabe que a inteligência artificial está transformando todas as esferas de nossas vidas, mas uma tendência (que não é nova) para 2019 é a enorme quantidade de talentos e recursos dedicados a acelerar o crescimento das tecnologias de IA, o que tem levado grandes corporações, como a IBM, a perder participação de mercado. Assim, no próximo ano, veremos mais e mais empresas usando tecnologias de código aberto para seus projetos de inteligência artificial.

4 – Fintechs 

Nos últimos anos vivenciamos uma revolução no mercado financeiro, com o surgimento de startups, bancos somente digitais, novas plataformas e ferramentas que estão mudando completamente o cenário de serviços financeiros.

Talvez, a mais óbvia das tendências para 2019 seja a certeza de que as empresas voltadas a tecnologia financeira, as fintechs, continuarão surgindo no próximo ano.

O Brasil já é o país com o maior número de empresas de fintech fora dos EUA, e o Banco Central está apoiando este movimento através de normas e regulações especificas para elas.

5 – Data Analytics

Nos últimos anos, a quantidade de dados que geramos diariamente cresceu exponencialmente. Os dados são fundamentais para que as empresas possam se manter à frente da concorrência e assuntos como Data Lake, Big Data, Análise de Dados, entre outros, já fazem parte da agenda de reuniões estratégicas de muitas organizações, independentemente de seu porte ou mercado.

Tenho certeza de que as empresas de varejo, seguros e financeiras continuarão investindo fortemente em análise de dados. Mas, esse não é o meu ponto. Minha aposta é que veremos empresas menores, de diferentes setores, também investindo em análise de dados e business intelligence, impulsionadas pela popularização da IoT e da IA.

Claro que temos várias outras tendências, como blockchain, cryptocurrencies, inteligência artificial popularizada em todos os lugares, IoT, metodologias ágeis, devops, etc, mas como disse, minha ideia é realmente dar aos profissionais uma ideia do que já está acontecendo, tendências reais, baseado no que vejo diariamente atuando na FNC IT. Caso contrário, ainda teremos muita gente se preparando para o carro autônomo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.